E os pequenos se tornaram grandes… 2018

União e coletividade
Sinted-Sindicato Educação

Sinted-Sindicato Educação

Sindicato dos Trabalhadores da Educação - Três Lagoas e Selvíria

Não é novidade que o Governo Reinaldo Azambuja ( PSDB), vinha menosprezando os servidores administrativos de Mato Grosso do Sul, desde o início de seu mandato.

Tantos foram os descasos… sim descasos! Abono salarial, baixos índices de reajustes, ameaça de terceirização, extinção de cargos, adiamento de concursos públicos, falta de construção de plano de cargos e carreiras, péssimas condições de trabalho entre outras desumanizações…

Os servidores dessa categoria tentaram uma saída que não prejudicasse o bom andamento das atividades escolares continuaram tentando até que no dia 06/04, em assembleia histórica na FETEMS, esses trabalhadores decidiram pela GREVE DOS ADMINISTRATIVOS DA EDUCAÇÃO DE MS! Respeitando os tramites legais deflagrou-se, oficialmente, a greve no dia 10/04. E nesse momento, esse governo que não nos representa e não atende aos anseios dos trabalhadores pode sentir a força daqueles a quem relegou a segundo…terceiro…senão quarto plano em seu governo.

Protestos, reuniões, falta de merenda, salas/ pátios /banheiros sem condições salubres foram vistas por todas as escolas da Rede Estadual de Ensino. A Comunidade Escolar deu total apoio a essa categoria…as mídias divulgaram as péssimas condições de trabalho, bem como a vergonhosa tabela salarial… e o movimento dos pequenos se fortaleceu. Assim, sem saída o governo PSDB de Azambuja reiniciou as negociações com a FETEMS. Ele endureceria e o movimento dos administrativos crescia… até que surgiu uma proposta que não é a ideal – mas na realidade ninguém espera nada satisfatório desse governo PSDB – no entanto atende, em parte a necessidade de sobrevivência mínima do servidor.

Então, na tarde de hj (13), após assembleias extraordinárias regionais e geral os servidores resolveram aceitar a proposta do governo em encerrar a GREVE HISTÓRICA DOS ADMINISTRATIVOS DA EDUCAÇÃO DE MS. Mas os Administrativos de MS alertam: caso o acordo seja descumprido, por esse ou qualquer outro governo que queira ludibriar, os trabalhadores deste Estado farão o maior movimento grevista da Nação Brasileira.

Artigo publicado originalmente na edição impressa de maio de 2018!

E os pequenos se tornaram grandes…2018

Diretoria do SINTED/ triênio 2017 – 2020

69 / 100

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print